Quando uma lingua morre, uma visão de mundo desaparece

Atualizado em

Na semana passada, quando examinávamos na aula de História de Israel um quadro das línguas semíticas, um aluno me perguntou: quantas línguas existem no mundo? Eu não sabia ao certo, mas disse que deveria ser em torno de seis mil línguas.

Eu não estava tão desinformado. Mas estava bem desinformado sobre o que vem noticiado abaixo e que me chama a atenção, com preocupação: mais da metade dos seis mil idiomas do planeta ameaça desaparecer ainda neste século.

Outro dado para se pensar: na Internet, 72% do conteúdo está em inglês, seguido do alemão, com 7%, e do espanhol, francês e japonês, com 3%. Quer dizer, as outras línguas ocupam, quando ocupam, uma percentagem muito pequena neste ranking, já que 90% das línguas não estão na Internet.

Que posição ocupará o português nesta lista?

Folha Online: 21/02/2006 – 15h57

da France Presse, em Paris

O totonac do México ou o so da África fazem parte dos seis mil idiomas do planeta ameaçados de desaparecer no século 21, advertiu nesta terça-feira a Unesco (Organização das Nações Unidas para a Ciência, a Educação e a Cultura) na celebração do Dia Internacional da Língua Materna. Na sexta edição deste dia internacional, o diretor-geral da organização, Koichiro Matsuura, destacou que a língua está profundamente ligada à identidade das pessoas. “Quando uma língua morre, uma visão de mundo desaparece”, afirmou, lembrando que se deve lamentar o desaparecimento de um registro idiomático específico a cada duas semanas. “As línguas não podem desaparecer sob o peso de outras. Têm de ser meios de expressão que vivam e atuem junto às grandes línguas da Terra”, acrescentou Musa Bin Jaafar Bin Hassan, presidente da Conferência Geral da Unesco. Mas os encarregados reconheceram a dificuldade de enfrentar a globalização atual, que situa o inglês numa posição dominante. Só na internet, 72% do conteúdo está em inglês, seguido do alemão, com 7%, e do espanhol, francês e japonês, com 3%. No entanto, 90% das seis mil línguas do mundo não estão representadas na internet e 20% delas não têm sequer uma transcrição escrita, segundo a Unesco (continua).



Leia Mais:
Ethnologue: Languages of the World (An encyclopedic reference work cataloging all of the world’s 6,912 known living languages)
Língua portuguesa: perspectivas para o século XXI (1)
Língua Portuguesa: perspectivas para o século XXI (2)

Print Friendly, PDF & Email

Deixe um comentário