Terceira edição da Bíblia da CNBB

Lançamento da 3ª edição da Bíblia da CNBB

É lançada hoje, 11 de maio, durante a 44ª Assembleia Geral dos Bispos do Brasil, a terceira edição da Bíblia Sagrada – tradução da CNBB. A terceira edição integra a revisão feita na segunda edição, que diz respeito, sobretudo, à organização do texto e das notas. Dedicou-se atenção maior ao aspecto linguístico e tipográfico, resultando na integração de quase mil pequenas correções, inclusive no documento introdutório, a Constituição Dei Verbum, que estava com erros na numeração das notas. Por causa dessas correções é bom que nos serviços eclesiásticos e nos centros de formação religiosa ou cristã, se use esta terceira edição, e não a primeira, como texto de referência. Deste modo, atende-se, provisoriamente, à necessidade de se ter uma tradução de referência para a Igreja Católica no Brasil. Provisoriamente, porque foi dado andamento a uma revisão mais profunda feita simultaneamente pelos serviços de assessoria bíblica e litúrgica, que deve resultar, dentro de alguns anos, num texto praticamente idêntico para as duas finalidades, que são a tradução oficial da Bíblia e os livros litúrgicos. Como nas edições anteriores, e em vista de sua vocação litúrgica, as características desta tradução, além da maior exatidão possível, continuam sendo a proclamabilidade e a fluência em vista da memorização (cont.)

Fonte: CNBB – 11 de maio de 2006

Jesus Decodificado – Jesus Decoded

Isso ainda vai render! Na minha opinião, quanto mais soprar, mais o fogo aumenta… Pois, então, leia:

Folha Online: 10/05/2006 – 21h13

Igreja se prepara para estréia de “O Código Da Vinci”

da Ansa, em Nova York

As igrejas cristãs dos Estados Unidos preparam uma contra-ofensiva para enfrentar a estréia do filme “O Código da Vinci”, baseado no livro de Dan Brown, que já vendeu 46 milhões de exemplares em todo o mundo. O filme estreará na próxima semana. A Conferência dos Bispos Católicos produziu um documentário e criou um site de internet, ambos titulados como “Jesus decodificado”, para responder ponto a ponto ao livro. O medo é de que o sucesso do filme possa dar credibilidade aos aspectos da trama que não agradam à Igreja, como que a divindade de Cristo foi inventada depois de sua morte por razões políticas, que Jesus e Maria Madalena eram casados em segredo, que sua descendência continua até a época moderna, e que uma sociedade secreta está tentando esconder a verdade sobre essa relação. O documentário foi entregue à NBC, apesar de muitas das afiliadas da rede televisiva não terem decidido se o emitirão (…) O objetivo comum de batistas, católicos, luteranos e metodistas é desacreditar as teorias teológicas do livro, e reafirmar a ortodoxia cristã (cont.)


Leia Mais:
As movie nears, churches trying to debunk novel
Groups set to decode ‘Da Vinci’ film