Gripe suína – Swine Virus – Gripe Porcina

Saiba mais sobre a gripe suína
Até agora, sabe-se que a gripe suína se trata de uma doença respiratória que teve origem em porcos, a partir da combinação de material genético de diferentes vírus de gripe. Cientistas e governos ainda buscam informações mais detalhadas sobre a doença e as formas de prevenção e tratamento, mas algumas das dúvidas já podem ser respondidas com base nos dados divulgados por governos e centros de pesquisa.

Veja abaixo as respostas a algumas das questões relacionadas ao surto…

Fonte: Folha Online: 27/04/2009 – 05h52

Leia Mais:
PandemicFlu.gov – One-stop access to U.S. Government swine, avian and pandemic flu information
El mundo contra la gripe porcina – BBC Mundo: Última actualización: lunes, 27 de abril de 2009 – 11:58 GMT
La febbre suina è in Europa. Oms: «Verso massima allerta» – Corriere della Sera: 27 aprile 2009
¿Qué es la gripe porcina? Preguntas y respuestas sobre el H1N1, sus var¡antes y cómo afecta al ser humano – El País: 27/04/2009
Veja quais são os sintomas da gripe suína e como se prevenir – Folha Online: 27/04/2009 – 10h21
Warnings as swine virus spreads – BBC News: Last updated at 16:53 GMT, Monday, 27 April 2009 17:53 UK

Atualização/Update: 29/04/2009 – 18h00
. Folha Online Especial – 2009: Gripe Suína
. OMS eleva grau de alerta da gripe suína; pandemia é iminente – Folha Online: 29/04/2009 – 17h12
A OMS (Organização Mundial de Saúde) elevou para grau 5 o alerta da gripe suína, em escala que vai de 1 a 6. Isso significa que, agora, a pandemia (epidemia de vasto alcance geográfico, talvez global) não pode ser evitada. “Toda a humanidade está sob ameaça em uma pandemia”, disse a diretora-geral da OMS, Margaret Chan. No Brasil, o Ministério da Saúde confirmou a existência de dois casos suspeitos. “É hora de todos os países ativarem seus planos de prevenção pandêmica”, disse Chan.

Vários sarcófagos descobertos na região do Fayum

Egito mostra múmias recém-encontradas

Arqueólogos no Egito mostraram novas imagens de sarcófagos descobertos nas últimas semanas em escavações em uma colina ao sul da capital, Cairo.

O chefe da equipe de arqueólogos egípcios, Abdel-Rahman Al-Ayedi, disse: “Nós descobrimos 53 tumbas de pedra. As tumbas continham caixões de madeira e, dentro deles, encontramos vários sarcófagos de múmias coloridos.”

Segundo ele, as múmias datam de milhares de anos, incluindo vários períodos da Antiguidade egípcia.

Algumas das tumbas foram construídas encima de cemitérios de eras anteriores. Os arqueólogos dizem que as escavações perto do oásis de Fayoum mostram que o ritual da morte foi ficando cada vez mais elaborado a cada dinastia.

Nos últimos meses foram descobertas várias múmias no Egito. Os arqueólogos esperam começar em breve escavações na costa norte do país. Eles procuram a tumba de Cleópatra.

Fonte: BBC

 

A descoberta de quatro templos egípcios no Sinai

Descobertos quatro antigos templos egípcios no Sinai

A descoberta foi feita em Qantara, a 4 quilômetros do Canal de Suez, na estrada chamada ‘Via de Hórus’

Associated Press, 22 de abril de 2009

Arqueólogos que exploram uma velha estrada militar no Sinai desenterraram quatro templos até então desconhecidos em meio aos remanescentes de um forte de 3 mil anos que pode ter sido usado para impressionar delegações estrangeiras que visitavam o Egito, informaram na terça-feira, 21, autoridades egípcias.

Entre as descobertas está o maior templo feito de tijolos de barro já encontrado na região, com uma área de 70 metros por 80 metros, e fortificado com paredes de barro de três metros de espessura, disse o chefe do Conselho Supremo de Antiguidades do Egito, Zahi Hawass.

A descoberta foi feita em Qantara, a 4 quilômetros do Canal de Suez. Esses templos marcam a mais recente descoberta arqueológica em escavações na estrada conhecida como “Via de Hórus”. Hórus é o deus egípcio de cabeça de falcão.

O caminho conectava o Egito Antigo à Palestina, e fica perto da cidade moderna de Rafah, na fronteira com o território palestino de Gaza.

O chefe da escavação, o arqueólogo Mohammed Abdel-Maqsoud, disse que o grande templo de tijolos pode fazer com que a história da importância militar do Sinai para os antigos egípcios seja reescrita.

Digital Karnak

Você já visitou Karnak no Egito? Pois uma ótima oportunidade é o projeto Digital Karnak, da UCLA, Universidade da Califórnia, em Los Angeles, USA.

The Digital Karnak Project was designed and built at the University of California at Los Angeles (UCLA) under the direction of Dr. Diane Favro, director of the ETC, and Dr. Willeke Wendrich, editor-in-chief of the UCLA Encyclopedia of Egyptology.

Veja também, do mesmo gênero, Virtual Qumran e Roma renascida.

Descoberta a tumba de Cleópatra? Há controvérsias

Descoberta a tumba de Cleópatra? Na verdade, a tumba de Cleópatra e Marco Antonio, dizem os entusiastas.

Mas nada está definido. Ainda. Leia na BBC – última actualización: jueves, 16 de abril de 2009 – 17:01 GMT : Tras la tumba de Marco Antonio y Cleopatra.

Apesar da notícia ter se espalhado, há muito ceticismo por parte dos arqueólogos, como aponta este post em Egyptology News, publicado hoje: Egyptologists dig into mystery of possible tomb

Veja os links para o noticiário na Explorator 12.01 – April 26, 2009: The (alleged) Cleopatra tomb hype continues unabated