Descoberta uma dupla de planetas errantes, sem estrela-mãe, que giram ao redor deles mesmos

Atualizado em

Folha Online: 04/08/2006 – 12h02

Astrônomos observam dupla de planetas errantes pela 1ª vez

Astrônomos do Observatório Europeu Austral, localizado no Chile, anunciaram a descoberta de uma dupla de planetas errantes (sem estrela-mãe) que giram ao redor deles mesmos e que vagam livremente pelo espaço. Esta é a primeira vez que se observam dois corpos celestes unidos pela gravidade de “planetas flutuantes livres” (“free floating planets”, em inglês). O maior corpo celeste, com uma massa sete vezes maior do que a de Júpiter, foi detectado a cerca de 400 anos-luz de nosso sistema solar. O fato extraordinário é que ele não gira em volta de uma estrela, mas em torno de outro corpo frio com o dobro de sua massa. Ray Jayawardhana, da Universidade de Toronto, e Valentin Ivanov, do Observatório Europeu Austral, publicarão a descoberta na “Science Express”, site da revista “Science” (cont.)

Print Friendly, PDF & Email