Abelhas em Israel: descobertas antigas colmeias

Arqueólogos acham abelhas domésticas mais antigas do mundo

Em Tel Rehov, norte de Israel, no vale do rio Jordão. As colmeias devem ser do século X a.C. As abelhas foram trazidas da região da atual Turquia.

The charred remains of bees have been found within a honeycomb from the hives at Tel Rehov, Israel. Scientists say the bees had been imported from Turkey.

Fonte: Reinaldo José Lopes, na Folha.com: 08/06/2010 – 05h00

Leia Mais:
Evidence of Honeybees in Ancient Israel – Todd Bolen: BiblePlaces Blog – June 08, 2010

Com Milton Nascimento na Casa de Portinari

Milton Nascimento visita Casa de Portinari em Brodowski
“O cantor Milton Nascimento vai buscar em Portinari a inspiração para uma canção. O compositor, que se apresentará nas aberturas de exposições do pintor no Rio de Janeiro e em Paris, visita o museu Casa de Portinari, em Brodowski, nesta quarta-feira (9), e encontra o filho do pintor, João Candido, fundador e coordenador do Projeto Portinari, no Rio de Janeiro (…) A aproximação de Milton Nascimento e Candido Portinari surgiu no final do ano passado, após o convite de João Candido para que o cantor se apresentasse durante as inaugurações das exposições dos painéis “Guerra e Paz”, no Theatro Municipal do Rio de Janeiro e, em seguida, em Paris, previstas para o segundo semestre. Para fazer a escolha por Milton, João Candido viu uma identidade entre a trajetória pessoal e artística do cantor e a de seu pai, com uma temática diversificada, mas sempre emocionada e solidária ao drama e à poesia do ser humano. Ambos também são de origem humilde, do interior e os dois artistas alcançaram destaque nacional e internacional por meio de sua arte. Após o convite, Milton passou a conhecer ainda mais sobre a história do artista de Brodowski e logo se encantou com o que ouviu sobre a casa que foi lar de Portinari e sobre o carinho para com seus familiares deixado nas paredes em forma de pintura – destaque para a Capela da Nonna, pintada para a avó adoentada. Foi do cantor a ideia de conhecer o local. Logo no início da visita desta quarta-feira, o cantor irá ao Seminário Arquidiocesano Maria Imaculada, onde está uma tela de Portinari pouco conhecida, batizada de “Santa Cecília”, justamente a padroeira da música. Ali haverá também uma missa de sétimo dia em memória do pai de Milton, Josino Nascimento, falecido na semana passada”.

Fonte: EPTV.com

Leia Mais:
Milton Nascimento

Judá e a transição do domínio persa para o grego

GRABBE, L. L.; LIPSCHITS, O. (eds.) Judah Between East and West: The Transition from Persian to Greek Rule (ca. 400-200 BCE). London: T&T Clark, 2011, 240 p. – ISBN 9780567046840

Este é o tema de um novo livro, programado para meados de 2011. Resultado de uma conferência realizada por estudiosos britânicos e israelenses na Universidade de Tel Aviv, Israel, o livro é uma coletânea de ensaios sobre o período de transição do domínio persa para o grego em Judá. Entre os temas tratados estão, por exemplo, a arqueologia de Maresha/Marisa, a identidade judaica, a helenização, a administração ptolomaica de Judá, a literatura bíblica e judaica do começo do período grego, as dimensões e o status de Jerusalém, os samaritanos durante a transição…

Vejo, entre os autores, os nomes de Israel Finkelstein, Lester L. Grabbe, Amos Kloner, Oded Lipschits, James K. Aitken, Aryeh Kasher, Menachem Mor, John Ray…

Judah Between East and West is a collection of essays by leading scholars in the field, presenting the main findings of a recent conference of British and Israeli scholars at held at Tel Aviv University. The contributions focus on the period of transition between Persian and Greek rule of Judah, ca. 400-200 BCE, though some of the essays are extended outside these time limits. The volume aims to explore this period in all its complexity, as far as the limitations of a single publication allows! Subjects covered include the archaeology of Maresha/Marisa, Jewish identity, Hellenization/Hellenism, Ptolemaic administration in Judah, biblical and Jewish literature of the early Greek period, the size and status of Jerusalem, the Samaritans in the transition period, and Greek foundations in Palestine.

Os organizadores da obra:
Lester L. Grabbe is Professor of Hebrew Bible and Early Judaism at the University of Hull, UK. Oded Lipschits is Associate Professor of Jewish History at Tel Aviv University, Israel.

Evangélicos protestam contra a Teologia da Prosperidade

Evangélicos fazem protesto contra “igrejas capitalistas”
Com bandeiras e camisetas que diziam “Marcha pela ética evangélica brasileira. O $HOW tem que parar”, cerca de 20 pessoas realizaram um protesto contra lideranças evangélicas durante a Marcha para Jesus. O alvo dos manifestantes era a teologia da prosperidade, professada por algumas das principais lideranças evangélicas do país, dentre elas a Renascer em Cristo. “O que estamos vendo é a proclamação de um evangelho monetário. E a Bíblia não é um veículo de lucro”, disse Paulo Siqueira, idealizador do protesto. Teólogo e membro da Igreja do Evangelho Quadrangular, ele afirma que a maior parte das igrejas evangélicas no Brasil virou capitalista. “Não há lugares para os pobres dentro da igreja. A igreja se tornou um veículo de elitização. Falam de prosperidade, de troca monetária. Se você é pobre, oferte, dizime, e, enquanto isso, muitos pobres padecem no país”, diz ele.

Fonte: Fernando Gallo, de São Paulo – Folha.com: 04/06/2010 – 09h47

Leia Mais:
A conservadora teologia da prosperidade

Novo livro de Lester Grabbe sobre o judaísmo

GRABBE, L. L. An Introduction to Second Temple Judaism: History and Religion of the Jews in the Time of Nehemiah, the Maccabees, Hillel, and Jesus. London: T & T, 2010, 176 p. – ISBN 9780567552488 (Paperback); 9780567051615 (Hardcover)

Este livro de Lester L. Grabbe é uma introdução ao judaísmo, da época persa (539 AEC) até a queda de Jerusalém (70 EC) e um pouco além. O estudo, entretanto, visa especialmente os séculos I AEC e I EC, mas precisa buscar o contexto mais amplo, voltando, por isso até a época persa. É uma introdução para estudantes e pessoas cultas interessadas neste tema, que é tratado de maneira bem mais ampliada por Lester L. Grabbe em seus quatro volumes sobre a história dos judeus e do judaísmo na época do Segundo Templo (A History of the Jews and Judaism in the Second Temple Period: I: 2006; II: 2008: III e IV: em preparação)