Israel x Irã

Nós: ontem e amanhã. E hoje? Leia:

:: Israel versus Irã: Apocalipse now! (1ª parte) – Luiz Alberto Moniz Bandeira: Carta Maior 16/03/2012
Mesmo com o respaldo da esquadra, estacionada no Golfo Pérsico, e a participação de tropas dos Estados Unidos, uma guerra contra o Irã, desencadeada por Israel, seria uma guerra extremamente difícil e sangrenta. Um ataque de Israel ao Irã mataria milhares de civis e arrasaria cidades, sem garantia de destruir completamente o programa de enriquecimento de urânio. Por outro lado, o Irã logo retaliaria com uma chuva de mísseis, provocando milhares de mortes em Israel.

:: Israel x Irã: O espraiamento do conflito (2ª parte) – Luiz Alberto Moniz Bandeira: Carta Maior 17/03/2012
Uma guerra entre os dois países, além de massacrar, possivelmente, milhares de árabes e israelenses, bem como norte-americanos, elevaria o preço do gás e do petróleo a um nível inimaginável, catapultado para uma cifra superior a US$ 250, ou mesmo chegar US$ 500 o barril, interrompendo o comércio e causando um cataclismo na economia mundial, já abalada e deprimida, desde 2007-2008, pela crise do sistema financeiro, a partir do colapso do Lehman Brothers e outras corporações.

Nós, ontem

:: Our human ancestors and their relatives in pictures – The Guardian: 14 March 2012
A potential new species of human, dubbed the Red Deer Cave people, has been discovered in China, adding another branch to the evolutionary tree of hominids.

:: Meet the other ancestors – The Independent: 15 March 2012
There was a time when our own species, Homo sapiens, shared the same non-African landscapes with at least four other human species until each in turn became extinct, allowing just one type of human to dominate the globe.

:: Homem pré-histórico na China pode ser de nova linhagem humana – Folha.com: 14/03/2012
Eles eram baixos, tinham o rosto achatado e dentes molares grandes, se alimentavam com carnes de veado, mas o crânio estava mais para um parecido com o dos homens modernos. “Eles”, no caso, são os homens pré-históricos que viveram de 11.500 a 14.300 anos atrás (quando a agricultura ainda estava nos seus primórdios), cujos fósseis estavam em uma região a sudoeste da China, em Maludong (Caverna do Veado Vermelho). Mais especificamente em duas cavernas.

:: Plenty of coverage of a potential new ancestor – for now, referred to as the Red Deer Cave people – Explorator 14.48 March 18, 2012